domingo, 9 de junho de 2013

Boiar...



Preciso andar com uma bússola pendurada no pescoço, um astrolábio no canto da boca, mapas de todos os universos no fundo do bolso, quem sabe umas indicações de direção sopradas no ouvido, e, se pudesse, com você levando minha mão... Porque tem horas que fico perdido, em que as estrelas são tantas no céu de alto mar que paro de navegar para apenas apreciar essas faíscas tão longínquas... em que minha atenção se quebra em mil pedaços, por causa de uma emoção entalada na garganta, como uma ansiedade por algo que não está marcado, que não estou esperando... Tem horas que não quero ir para lugar nenhum, apenas aninhar-me nos teus braços, aconchegado do frio chuvoso...

Música - Bouche B - BB Brunes

Um comentário:

Marilene Alves disse...

apareça lá no face... que vou ficar online até tarde!

Mari